Por pbagora.com.br

Uma nova mensagem falsa usa o nome do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para induzir eleitores a clicarem em um link que pode remeter a um vírus de computador.

No e-mail que circula na internet, a mensagem convoca o eleitor a atualizar o seu título eleitoral preenchendo alguns dados como telefone e endereço que estariam pendentes. Diz ainda que há uma prazo para essa atualização, que seria de 48 horas, com o risco de cancelamento automático do documento.

O TSE volta a informar que não envia e-mails a eleitores, nem autoriza nenhuma outra instituição a fazê-lo em seu nome. Mensagens desta natureza devem ser apagadas, pois podem danificar o sistema dos computadores.

 

 

 TSE