Além do usuário, veículo beneficia o meio ambiente

Realidade em todas regiões do Brasil, os veículos elétricos vão representar 5% da frota brasileira até 2030, segundo previsão da Boston Consulting Group (BCG). Caracterizados como veículos urbanos, compactos, econômicos, sustentáveis e 100% movidos a eletricidade, os automóveis da linha e.coTech e ecocargo, por exemplo, tiveram projetos realizados pela Start Up brasileira Hitech Electric e ajudam a diminuir a poluição ambiental.

A startup responsável pelo projeto já conta com quatro modelos homologados pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) para emplacamento e permissão para trafegar exclusivamente em vias urbanas.O engenheiro mecânico Rodrigo Contin, CEO da Hitec, explica que “todo o desenvolvimento do projeto é feito localmente, seguindo as diretrizes do Brasil.“São os novos rumos da mobilidade. A gente sabe que é um caminho sem volta, cabe a nós ser mobilizadores dessa tecnologia. É motivo de muito orgulho”.

Diferente dos veículos comuns, o e.coTech2 não tem motor movido a combustão. A bateria pode ser recarregada em tomadas convencionais de três pinos de 110 ou 220V, dispensando postos de reabastecimento. Assim, uma carga de cinco horas garante a mobilidade de 100km/dia e uma economia significativa com combustível. As vantagens vão além do consumo consciente. Por não ter escapamento, o veículo é extremamente silencioso – o que contribui no combate também à poluição sonora no trânsito.

Os carros elétricos são para diversos perfis de público. No entanto, são mais comuns entre as pessoas que têm a sustentabilidade como um estilo de vida. Dentre os benefícios ecológicos, destacam-se:

– Menos poluição sonora;

– Não emissão de gases poluentes;

– Uso de energia limpa e renovável;

– Rendimento de até 90% em comparação ao carro comum.

Para a sócia-diretora da EcoKar e representante da Hitech Electric na Bahia, a arquiteta e urbanista Milene Kalid, a chegada dos carros elétricos é um movimento consciente que vai ficar como fruto para

Total
1
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Mais de 10 milhões poderão sacar até R$ 998 do FGTS; veja como fica

Pagamento só será feito a quem tinha até esse valor em cada conta ativa ou inativa do fundo em 24 de julho. Quem já sacou R$ 500 terá direito à…