Por pbagora.com.br

Em apenas uma semana, fiscais do Ibama apreenderam 14 caminhões que transportavam madeira ilegalmente no Pará. A irregularidade mais comum verificada nas operações foi a falta de documento para o transporte do material, indicando que a madeira havia sido cortada sem licença.

As apreensões, que ocorreram entre 28 de fevereiro e 5 de março, fazem parte de um esforço do Ibama para desmontar empresas “fantasmas” que atuam no estado. Por meio delas, madeireiros conseguem documentação falsa para transportar o prodoto do desmatamento ilegal.

 

 

G1

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Avião de Bolsonaro arremete em MT por causa da fumaça de queimadas

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse nesta sexta-feira (18) que o avião em que ele estava teve de arremeter ao chegar a Sinop, em Mato Grosso, pois a visibilidade “não estava…