O 13o leilão de biodiesel do governo brasileiro, realizado na sexta-feira, atingiu deságio de 8,72 por cento e vendeu os 315 milhões de litros ofertados.

A Petrobras comprou 93,85 por cento do total e a refinaria Alberto Pasqualini, também da estatal, o restante.

O preço médio do litro do biocombustível ficou em 2,15 reais.

O volume negociado tem por objetivo atender à adição obrogratória de 3 por cento de biodiesel a todo diesel consumido no país.

Em novembro, a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) realizou leilão de 330 milhões de litros de biodiesel com deságio médio de 0,59 por cento no primeiro lote (2,385,93 reais o litro) e de 0,41 por cento no segundo (2,390,18 reais o litro).

 

terra

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

CNBB inicia Campanha da Fraternidade com alerta contra indiferença e violência

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) iniciou, nesta Quarta-Feira de Cinzas, a Campanha da Fraternidade de 2020, tendo por tema Fraternidade e Vida: Dom e Compromisso. De acordo…

Sheherazade diz sofrer ameaças de morte após críticas a Bolsonaro

A âncora do principal telejornal do SBT, o SBT Brasil, Rachel Sheherazade afirmou por meio do Twitter na madrugada desta quinta-feira (27) que vem sofrendo ameaças de morte e contra a família…