Por pbagora.com.br

O incêndio que destruiu parte da unidade da fábrica da Perdigão instalada na cidade de Rio Verde (GO), na manhã deste sábado (21), foi controlado à tarde.

 

Não há indícios de mortos ou feridos, mas ainda havia risco de explosões. Em nota, a Perdigão S/A informou que o incêndio atingiu as instalações da unidade de industrializados de seu complexo agroindustrial de Rio Verde. A planta se encontrava em operação no momento do incêndio, com cerca de 3 mil funcionários trabalhando no turno.

 

A Perdigão informou ainda não ter contabilizado o prejuízo provocado pelo incêndio.

A nota também informou que brigada da empresa foi mobilizada e retirou, com segurança, os funcionários que trabalhavam no local. Alguns tiveram que ser atendidos no hospital da cidade, com sintomas de intoxicação provocada pela fumaça, sendo liberados em seguida.

A empresa informou ainda que o fogo começou na caldeira e, devido ao vento forte, atingiu outras áreas do complexo. A Perdigão esclareceu ainda que não foi registrado vazamento de amônia.

 

Segundo informações do Corpo de Bombeiros de Goiânia, cinco carros da corporação estão na empresa para tentar controlar as chamas. As equipes fazem o rescaldo nos tanques de amônia.

Para tentar controlar o fogo, além do trabalho dos bombeiros, foi necessária a ajuda de cidades vizinhas. Caminhões com água chegaram de cidades como Santa Helena, Jataí, Mineiros e Goiânia.

G1

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Professora da UFPB destaca benefícios que a ‘logística reversa’ de produtos pode trazer ao meio ambiente

De acordo com a lei federal nº 12.305, o setor empresarial que comercializa produtos em embalagens deve viabilizar a recuperação de embalagens de maneira proporcional à quantidade colocada anualmente no…