O voo com o corpo de Gugu Liberato chegou ao Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP), às 6h01 desta quinta-feira (28). O velório do apresentador será na Assembleia Legislativa de São Paulo, na capital, a partir das 12h.

Gugu, um dos maiores nomes da TV brasileira, morreu na semana passada em Orlando, nos Estados Unidos, após um acidente doméstico. Ele tinha 60 anos.

O voo que trouxe o corpo do apresentador e a família ao Brasil partiu de Orlando na noite de quarta-feira (27).

Preparação do corpo e traslado
A concessionária Aeroportos Brasil, que administra Viracopos, informou que os familiares de Gugu, entre eles a mãe de 90 anos, esposa e os três filhos, passaram pela imigração normalmente e foram direcionados a uma área reservada para aguardar a liberação da urna com o corpo do apresentador.

Depois, eles terão acesso ao transporte que os levará para São Paulo. A família também pediu uma sala no terminal para fazer a maquiagem do corpo.

Os familiares de Gugu viajaram de Orlando para o Brasil na classe executiva. Primeiro aconteceu o desembarque do corpo. Depois, a família do apresentador recebeu atendimento prioritário de imigração em uma sala privativa. Eles foram os primeiros a descer do avião.

O caixão com o corpo de Gugu foi retirado pela porta lateral da aeronave dentro um contêiner, antes da saída dos passageiros. A urna foi recolhida por um carro funerário na pista do aeroporto e seguiu para o terminal de cargas para os procedimentos de imigração. A Receita Federal preparou uma operação para o recebimento do corpo e liberação para o translado até a capital paulista.

O corpo fará o percurso até a Assembleia Legislativa no carro funerário, acompanhado por três viaturas da Polícia Militar Rodoviária, sem paradas programadas, com trajeto pela Rodovia dos Bandeirantes, segundo informou a concessionária Autoban. Segundo a assessoria de Gugu, não haverá cortejo.

G1

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Mesmo proibido pela Justiça, MEC diz que listas do SISU ficaram disponíveis

Governo diz, porém, que as listas não representam o resultado final. Justiça vetou divulgação dos selecionados para vagas em universidades públicas até que o MEC comprove a correção do erro…

Ministro confirma primeiro caso suspeito de coronavírus no Brasil

O Ministério da Saúde confirmou hoje (28) o primeiro caso suspeito de coronavírus no país e elevou o nível de atenção para alerta de perigo iminente para a presença do…