A Paraíba o tempo todo  |

Com Queiroga com covid em NY, Anvisa pede isolamento de toda a comitiva do Brasil

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

Após o ministro Marcelo Queiroga (Saúde) ter testado positivo para a Covid-19 em Nova York, a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) recomendou o isolamento dos integrantes da comitiva presidencial que mantiveram contato com o titular da pasta.

Apesar da nota da agência não citar o presidente Bolsonaro, interlocutores na agência sanitária dizem que a orientação deveria se aplicar também ao chefe do executivo nacional.

A agência informa que a recomendação é de que os membros da comitiva deveriam cumprir um período de isolamento de 14 dias, “nos termos do Guia de Vigilância Epidemiológica para COVID-19 publicado pelo Ministério da Saúde”.

Queiroga já informou que ficará em quarentena em Nova York durante 14 dias. O ministro foi o segundo integrante da comitiva brasileira que testou positivo para o vírus -um diplomata também se infectou- e também deve permanecer isolado em Nova York antes de voltar ao Brasil.

De acordo com a Anvisa, a recomendação de isolamento para os membros da missão que estiveram com Queiroga foi encaminhada à Casa Civil.

PB Agora

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      11
      Compartilhe