Uma mulher de 55 anos, catadora de materiais recicláveis, encontrou nesta quarta-feira (11) pacotes no lixo com cerca de R$ 40 mil. A quantia foi achada no lixo de um supermercado de Penápolis, a 479 km de São Paulo. Ela devolveu o dinheiro ao dono do estabelecimento comercial, que calculou a quantia de dinheiro que havia nas sacolas. A mulher recebeu R$ 200 como recompensa.

Lourença Palma da Cunha, que trabalha há vários anos como catadora, encontrou no lixo sacolas que ela pensava conter material reciclável. Quando chegou em casa para separar o material, se espantou ao ver tantas notas de R$ 50, além de vários cheques pré-datados e até dólares.

Lourença disse que achou que o dinheiro fosse de mentira. Mas, quando descobriu que o dinheiro era real, se lembrou de onde havia retirado as sacolas, voltou para o supermercado e devolveu toda a quantia. Segundo o dono do supermercado, uma funcionária fez uma limpeza e acabou jogando as sacolas de dinheiro no lixo.

A mulher sustenta a família com a coleta de materiais recicláveis. Ela ganha cerca de R$ 200 por mês. A catadora mora em uma casa de cinco cômodos com o marido, dois filhos e quatro netos. Há cinco anos, Lourença é voluntária no Fundo Social de Solidariedade de Penápolis. A mulher deixou parte da recompensa que recebeu no próprio supermercado. Ela comprou refrigerantes e, com o restante do dinheiro, disse que pagaria uma prestação.

 

G1

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

CNC: contratação de temporários para o Natal será a maior em seis anos

A Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) estima que a oferta de vagas temporárias para o Natal de 2019 será a maior em seis anos. Segundo…

Navio fantasma pode ter causado manchas de óleo que contaminaram praias do Nordeste

Desde o fim de agosto e início de setembro, diversas manchas de óleo têm aparecido em praias do Nordeste, inclusive nas praias da Paraíba. Após 42 dias, a área atingida…