Por pbagora.com.br

O Instituto Butantan começa hoje a produzir um lote de 1 milhão de doses da vacina ButanVac, imunizante do instituto contra a Covid-19, anunciou o governo de São Paulo.

Apesar da produção o teste em humanos da vacina ainda não foi autorizado pela Anvisa.

Entretanto o governador de São Paulo, João Doria, disse em seu pronunciamento que espera que a Anvisa tenha urgência na aprovação da testagem e aprovação da vacina.

“Deixo aqui um registro para que a Anvisa tenho o senso de urgência para a aprovação da testagem e a aprovação desta vacina. O Brasil segue infelizmente perdendo 2.500 vidas todos os dias ” disse.

O Butantan solicitou à Anvisa na sexta-feira passada o início dos testes em humanos. O instituto submeteu o protocolo para as fases 1 e 2 do estudo clínico do imunizante, compostas por estudos controlados com placebo que avaliarão a segurança e eficácia da vacina em 1,8 mil voluntários acima de 18 anos no Brasil.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), porém, suspendeu nessa segunda, 27, o prazo de análise do pedido de estudos em humanos da vacina ButanVac e pediu que o Instituto Butantan complemente informações enviadas à agência para viabilizar a autorização dos testes.

PB Agora