O bebê de 7 meses que foi atacado por um rottweiler na sexta-feira, em Cascavel, no estado do Paraná, permanece internado no Hospital Universitário do Oeste do Paraná. A criança não corre risco de morte, mas pode ter seqüelas em função dos ferimentos na cabeça. Informou a assessoria de imprensa do hospital.

De acordo com boletim médico divulgado neste sábado, o quadro evoluiu bem e a criança está em observação, mas o diagnóstico dos exames neurológicos ainda não é preciso. O bebê também teve lesões no tórax e perfuração no pulmão.

O menino brincava próximo ao canil do cachorro quando o animal o puxou para dentro da casinha e o atacou. A mãe e a avó da criança estavam no local no momento do ataque, mas não conseguiram evitar que o cão mordesse o bebê.

 

terra

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Bolsonaro avalia recriar Ministério da cultura por Regina Duarte

O presidente Jair Bolsonaro pode recriar o Ministério da Cultura para convencer a atriz Regina Duarte a integrar o seu governo. A ideia, que foi antecipada por interlocutores do Palácio do Planalto ao Estadão, é…

Eleitor tem até maio para regularizar título de eleitor

Os cidadãos que tiveram o título de eleitor cancelado têm até o dia 6 de maio para regularizar a situação. Após o prazo, quem não estiver em dia com o…