Por pbagora.com.br

Uma assembléia geral marcada para as 19h desta quarta-feira (23), no Sindicato dos Bancários da Paraíba dará inicio a deflagração de mais uma movimento grevista.

A greve é uma orientação do Comando Nacional dos Bancários que também fecham as agencias bancárias a partir de quinta-feira (24)

A categoria reivindica aumento real de salário, PLR mais justa, valorização dos pisos salariais, garantia de emprego, mais saúde e melhores condições de trabalho, com adoção de políticas de combate às metas abusivas, ao assédio moral e à falta de segurança.

A decisão de paralisar as atividades foi tomada logo após os bancos ofereceram 4,5%, apenas à reposição da inflação dos últimos doze meses, enquanto outras categorias de trabalhadores de setores econômicos menos lucrativos estão conquistando aumento real de salário.

Os bancários querem uma Participação nos Lucros e Resultados (PLR) simplificada, equivalente a três salários mais R$ 3.850 fixos.

Os banqueiros por sua vez propuseram 1,5 salário limitado a R$ 10.000 e a 4% do lucro líquido (o que ocorrer primeiro) mais 1,5% do lucro líquido distribuído linearmente, com limite de R$ 1.500.
 

 

Redação