A partir desta quinta-feira (19), o Hospital Estadual de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, em João Pessoa, suspendeu todas as visitas a pacientes por tempo indeterminado. A medida segue a determinação do Governo do Estado, como parte da estratégia para evitar a propagação do novo coronavírus (Covid-19). Contudo, criou paralelamente alternativas para humanizar o atendimento na unidade hospitalar.

A presença de acompanhantes também está restrita. Portanto, somente pacientes idosos com 60 anos ou mais, crianças, pessoas com doenças crônicas e portadores de necessidades especiais terão direito a acompanhantes. Com relação às internações, os custodiados só poderão receber visitas com autorização judicial e limitadas a apenas um visitante.

Para as famílias que não vão poder visitar seus parentes, em trabalho pioneiro no Brasil, o Hospital de Trauma criou o Plantão de Notícia Familiar e Televisita. Este serviço deixa o atendimento ainda mais humanizado, mesmo com todas as circunstâncias do Covid-19. O Plantão de Notícias Familiar funcionará 24h, todos os dias da semana e feriados, inclusive com enfermeiros 24h à disposição da família. É importante ressaltar que através deste telefone 98845-3516, os familiares terão acesso à informação em tempo real e poderão esclarecer todas as suas dúvidas.

Já as televisitas acontecerão com os médicos intensivistas e clínicos em horários previamente determinados e com chamadas de videoconferência, ou seja, chamada de vídeo a beira leito. Os horários serão pré-estabelecidos, veja abaixo como ficarão as televisitas:

UTI geral: lado direito – 14h às14h30 e o lado esquerdo das 14h30 às 15h.

UTI Clínica I – 15h às 15h30; UTI Clínica II – 15h30 às 16h e UPG: 16h às 16h30.

Sala Laranja – 12h às 12h30; Sala Vermelha – 13h às 13h30 e Sala Amarela – 11h às 11h30 (pacientes com 60 anos ou mais).

Já o atendimento ambulatorial (ATP) será mantido com alguns ajustes. A Ortopedia funcionará para consultas a pacientes do pós-operatório de 30 dias, sempre nas segundas, quartas e sextas-feiras. A Neurologia só atenderá as consultas com pacientes egressos do Hospital de Trauma dos últimos 30 dias, nas terças e quintas-feiras. Para as demais especialidades, os atendimentos ficam suspensos e só os casos selecionados pela comissão de triagem serão avaliados.

A direção hospitalar recomenda aos acompanhantes que não serão permitidas as entradas de pessoas com problemas respiratórios e idosos ou gestantes. Além disso, àquelas que apresentarem algumas comorbidades do checklist da instituição também não estão aptas a entrarem no complexo hospitalar.

 

Veja a lista:

Coriza nasal ou tosse nas últimas duas semanas;
Febre nas duas últimas semanas;
Teve histórico de viagem recente ao exterior ou contato com pessoas procedentes do exterior;
Possui doenças cardiovasculares, diabetes, histórico de neoplasia e uso de corticosteróides;
Se a pessoa está gestante ou com suspeita de gravidez.

 

Secom/JP

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Secretaria de Saúde confirma 2º caso de novo coronavírus em Campina Grande

O segundo caso de novo coronavírus foi confirmado em Campina Grande, na manhã deste sábado, 28, pela Secretaria de Estado da Saúde (SES). No boletim divulgado pela SES, quatro novos…

Médica de CG sugere que favoráveis a abertura do Comércio abdiquem de respiradores

Ao opinar sobre a possibilidade de reabertura do comércio em Campina Grande e outras cidades, medida essa defendida por alguns empresários, a médica campinense Adriana Melo, que é especialista em…