O Hospital de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes, em Campina Grande, que integra a rede hospitalar do Governo do Estado, prestou no mês de janeiro 8.240 atendimentos no setor de emergência e realizou 769 cirurgias.

Desse total de janeiro, foram registrados 692 atendimentos a vítimas em acidentes de motos. Também houve atendimentos a vítimas de arma branca (23), de projéteis de arma de fogo (27), queimaduras (56), atropelamentos (45), acidentes com bicicleta (68) e acidentes de carro (69), entre outros.  Os demais atendimentos foram na clinica médica e na pediatria.

Em 2019, no mesmo período foram realizadas 744 cirurgias e atendidas 8.294 pessoas sendo registrados 757 atendimentos a vítimas em acidentes de motos. Também houve atendimentos a vítimas de arma branca (45), de projéteis de arma de fogo (13), queimaduras (63), atropelamentos (56), acidentes com bicicleta (61) e acidentes de carro (74).

A unidade de saúde disponibiliza 298 leitos, 301 médicos, sendo 64 em regime de plantão presencial 24 horas.  O hospital dispõe de seis salas no bloco cirúrgico.

O Hospital de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes de Campina Grande é referência em trauma para 203 municípios da Paraíba, além de alguns municípios do Rio Grande do Norte, Pernambuco e Ceará.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Governo da Paraíba assume gestão do Complexo Hospitalar Regional de Patos

O Governo da Paraíba assume neste domingo (23) a gestão do Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro, no Sertão da Paraíba, após o fim do contrato com a organização social…

Coronavírus: membros do grupo que estava em quarentena vêm para o NE

O grupo de repatriados da China que está em quarentena na Base Aérea de Anápolis será liberado amanhã (23). Na última sexta-feira (21), foi feita a terceira e última coleta…