O Hospital de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes, em Campina Grande, que integra a rede hospitalar do Governo do Estado, realizou 648 atendimentos durante o feriado da Proclamação da República. O balanço tem como base as entradas realizadas a partir da zero hora da sexta-feira (15) até as primeiras horas desta segunda-feira (18). Nesses dias, foram realizadas 55 cirurgias.

De acordo com a assessoria de imprensa do Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande, dos 648 atendimentos, 92 foram vítimas de acidentes de moto. Ainda foram registradas vítimas de acidente de automóvel (oito), agressão física (14), vítimas de projéteis de arma de fogo (duas) e arma branca (uma), atropelamentos (nove) e acidentes com bicicleta (sete). Os demais atendimentos médicos foram na clinica médica e na pediatria.

De acordo com relatório, o município de Campina Grande registrou 42 acidentes de motos nesse fim de semana, seguido por Lagoa Seca (cinco), Fagundes (quatro) e Juazeirinho (três).

O Hospital de Trauma de Campina Grande disponibiliza 298 leitos, 340 médicos, sendo 64 em regime de plantão presencial 24 horas. A unidade é referência em trauma para 203 municípios da Paraíba, além de alguns municípios do Rio Grande do Norte, Pernambuco e Ceará.

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Opera Paraíba realiza cirurgias eletivas em quatro hospitais até terça-feira

O programa Opera Paraíba realiza desta sexta-feira (13) até terça-feira (17) cirurgias eletivas nos hospitais de Mamanguape, Taperoá Queimadas e Picuí. Mais de 60 pacientes serão beneficiados nos quatro municípios com…