Com a Paraíba travando uma luta para impedir o avanço do novo coronavírus, o Secretário de Saúde do Estado da Paraíba, Geraldo Medeiros, esclareceu alguns assuntos relacionados as medidas do governo nesse período de quarentena.

Geraldo Medeiros observou que a abertura gradual das atividades de algum setor, seja comércio ou não, através de decreto, é atribuição do governador João Azevêdo, e resta esperar sua determinação.

Já em relação aos testes rápidos, o secretário contou que a remessa inicial disponibilizada pelo Ministério da Saúde é de 8.700 unidades, que serão destinadas, principalmente, aos profissionais da saúde e às forças de segurança.

Além disso, ele pontuou também que os testes devem chegar nesta sexta-feira (3) em João Pessoa e que avaliações serão feitas para otimizar a utilização.

Ele ressaltou que o resultado de um teste na Paraíba é entregue no mesmo dia, desde que eles estão sendo realizados em laboratório próprio.

No entanto, quando há necessidade de enviar alguma amostra para o Instituto Evandro Chagas, em Belém do Pará, a espera é de cerca de 10 dias.

Por fim, o representante da Secretaria de Saúde explicou que a utilização desses testes não são indicadas para toda à população.

– O uso indiscriminado do teste rápido não é produtivo e não traz nenhum benefício para a população, porque a incidência de falso negativo chega até 70%. Na coreia chegou a 70%. O motivo é que as pessoas fazem esses testes no período inadequado. pois eles devem ser realizados entre o 7º e o 9º dia a partir do início dos sintomas – finalizou.

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Falta de médicos: hospital Municipal de Soledade é interditado pelo CRM/PB

Unidade de saúde não tem profissionais médicos em sua escala e não está preparado para atender pacientes com Covid-19 O Conselho Regional de Medicina da Paraíba (CRM-PB) fiscalizou o Hospital…

CG: com recorde de altas, mais de 1.300 pessoas estão recuperadas da covid-19

Uma boa notícia em tempos de coronavírus: nada menos que 15 pessoas, que estavam internadas em leitos para tratamento da Covid-19, no complexo do Hospital Municipal Pedro I, tiveram alta…