Por pbagora.com.br

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de João Pessoa elaborou um esquema especial com posto médico e ambulâncias descentralizadas para atender as pessoas que participarão da festa de Réveillon, nesta terça-feira (31), na orla da Capital.

O posto médico será montado ao lado do palco, localizado no Busto de Tamandaré, com dois médicos, um enfermeiro e um técnico em enfermagem. Será disponibilizada uma unidade de suporte avançado (USA), com um médico, um enfermeiro e condutor socorrista, posicionada no cruzamento da Avenida Epitácio Pessoa com a Avenida Antônio Lira.

Também estarão disponíveis duas unidades de suporte básico (USB), cada uma com um enfermeiro e um condutor socorrista. Uma delas estará posicionada próximo ao posto médico, oferecendo apoio, e a outra no cruzamento da Avenida Almirante de Tamandaré com a Avenida José Augusto Trindade. Ao todo, 12 profissionais estarão trabalhando para atender o público presente, a partir das 18h até o final da festa.

“Nossa equipe estará a postos para oferecer todo o suporte necessário às pessoas que forem aproveitar a virada do ano no Busto de Tamandaré. Mas também destacamos que as equipes do Samu atenderão normalmente outros chamados da população em outros bairros da cidade”, ressaltou Humberto Nascimento, coordenador administrativo do Samu-JP.

Além do Samu, a rede municipal de saúde dispõe para a população as unidades de pronto atendimento (UPA) Oceania, Bancários, Valentina e Cruz das Armas, que funcionam 24 horas; o Complexo Hospitalar de Mangabeira Governador Tarcísio Burity (Ortotrauma) e o Hospital Municipal Valentina (HMV), este para atendimento infantil.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

“É preciso não iludir as pessoas” ressalta Geraldo Medeiros ao dar explicações sobre vacinas contra a Covid-19

O secretário de Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, declarou que é a secretaria desde o início da pandemia da covid-19 vem trabalhando com transparência e com a verdade, para passar…

Entre 2019 e 2020, 20 mulheres realizaram aborto legal na Paraíba

Descriminalização do aborto até a 12ª semana de gestação. Esse é o pedido da ADPF Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental) 442, em discussão no STF (Supremo Tribunal Federal). No…