O município de Pombal, localizado no sertão, a 369 km de João Pessoa, tem o segundo maior número de pessoas que serão beneficiadas com as cirurgias de catarata, dentro do Programa Opera Paraíba. A capital paraibana tem 910 inscritos e Pombal, no sertão, tem 811. Eles fazem parte dos 16 municípios executores (Guarabira, Esperança, Picuí, Monteiro, Patos, Piancó, Catolé do Rocha, Cajazeiras, Sousa, Princesa Isabel, Itabaiana, Mamanguape, Queimadas e Campina Grande), onde as cirurgias começarão no próximo dia 8 de dezembro.

No total, serão beneficiados 190 municípios e 4.352 pessoas, em todo estado. Os recursos financeiros do Programa são do Tesouro Estadual e do Ministério da Saúde e aos municípios cabe encaminhar a lista dos usuários beneficiados e os exames pré-operatórios.

O secretário de Estado da Saúde, Geraldo Medeiros, explicou que o município de Pombal se destaca não somente sendo o segundo município com o maior número de pessoas beneficiadas com o Opera Paraíba. “O Hospital Regional de Pombal apresenta destaque por ser a unidade que mais realiza cirurgias eletivas em todo estado. De janeiro até outubro de 2019, foram 743 cirurgias”, disse.

“É bom destacar ainda que a cidade de Pombal está entre os municípios pactuados em resolução da Comissão Intergestora Bipartite (CIB), que ainda não foram atendidos pelo Programa, ao lado de Picuí, Queimadas, Cajazeiras e Cabedelo”, pontuou o secretário.

Foram selecionadas três empresas credenciadas (Stropp Oftalmológica, Centro de Olhos da Paraíba e Centro Médico Audiovisual) para atender as 811 cirurgias enviadas para o Complexo Regulador Estadual da região de Pombal, sendo 584 para execução ainda este ano.

O objetivo do programa Opera Paraíba é ampliar a oferta de acesso às cirurgias eletivas de forma complementar à estratégia do Ministério da Saúde (MS), reduzir a fila de espera pelos procedimentos cirúrgicos eletivos e descentralizar o atendimento, sendo hoje concentrado nos grandes centro urbanos: João Pessoa e Campina Grande.

Total
2
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

ANS suspende temporariamente a venda de 56 planos de saúde

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) suspendeu temporariamente a venda de 56 planos de saúde de 12 operadoras, em todo o país, devido a reclamações feitas pelos consumidores no…

Preço dos panetones e chocotones variam até 62% em João Pessoa

Pesquisa do Procon-PB aponta variação de até 62% nos preços dos panetones A Autarquia de Proteção e Defesa do Consumidor da Paraíba (Procon-PB) realizou nos dias 2 e 3 dezembro,…