A Paraíba o tempo todo  |

Pela 1ª vez em 2021, nenhum estado tem alta nas taxas de casos e óbitos por Covid-19

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) informou nesta quinta-feira (8), pela primeira vez em 2021, que nenhum estado apresentou alta nas taxas de incidência e mortalidade devido à Covid-19. O boletim contabiliza o cenário referente ao período entre 20 de junho e 3 de julho.

Apesar da queda no número de casos e de mortes, os pesquisadores da fundação alertam que os índices das Síndromes Respiratória Agudas Graves (SRAG), que incluem a Covid-19 e a gripe, ainda são bastante altos em vários estados do país.

A Fiocruz aponta, ainda, que a redução da mortalidade pode estar relacionada com o avanço da campanha de vacinação. Todos os imunizantes em aplicação no país têm altas taxas de eficácia contra casos graves de infecção do coronavírus, assim como hospitalização devido à doença. Além disso, a aplicação das doses priorizou os grupos mais vulneráveis, como os idosos.

Pela quarta semana seguida, a instituição registrou uma queda nos índices de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Sistema Único de Saúde (SUS). A maioria dos estados apresentou uma queda no indicador, com destaque para as maiores quedas em Tocantins, que passou de 90% para 71%, e no Sergipe, que foi de 88% para 56%.

“Estes avanços vão configurando novos cenários. No momento atual, o curso da pandemia segue com mudança gradativa do perfil etário de casos internados e óbitos. O rejuvenescimento, com expressiva concentração entre a população adulta jovem, traz novos desafios com relação às formas de enfrentamento da pandemia”, avaliou a Fiocruz.

G1

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      1
      Compartilhe