Por pbagora.com.br

A Paraíba é o estado que tem a melhor cobertura da Campanha de Vacinação contra a Poliomielite do Nordeste. No cenário nacional, o Estado aparece em 4° lugar, atrás apenas do Amapá, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Dados preliminares da Secretaria de Estado da Saúde (SES), até às 9h desta segunda-feira (19), apontam que a ação do Dia D, realizada no sábado (17) nos 223 municípios, possibilitou um aumento na cobertura vacinal para quase 30%.

De acordo com a coordenadora do Núcleo de Imunização da SES, Isiane Queiroga, o grupo etário que apresenta o maior percentual é o de um ano de idade, com 32,28%. Já o de menor, é o da idade de três anos, com 28,16%. Ela observa que até agora 14 municípios não apresentam informações de doses aplicadas no site da campanha e reforça a importância da alimentação diária no sistema de notificação. Os municípios são: Alhandra, Baía da Traição, Caldas Brandão, Lastro, Mato Grosso, Mogeiro, Nazarezinho, Pilõezinhos, Pirpirituba, Riachão, Sobrado, Soledade, Campos de Santana e Vieirópolis.

Até o momento, 69.598 doses da vacina contra a Poliomielite foram aplicadas, o que equivale a 29,7%. O maior percentual de cobertura vacinal foi registrado no município de Tenório, com 93,33%, seguido por Maturéia, com 93,3%. Excluindo os 14 municípios sem informação, o menor percentual pertence a Mataraca, com 1,48%.

“Observamos no Dia D uma excelente adesão por parte da população nas unidades de saúde dos municípios da Paraíba e a oferta de todas as vacinas para atualização da situação vacinal das crianças e adolescentes. O aumento da cobertura foi superior a 20%. Reforçamos que essa alimentação das doses aplicadas e o monitoramento das coberturas vacinais para subsidiar o planejamento das ações e tomada de decisão nos territórios por parte do município devem ser diários”, destaca Isiane Queiroga.

A meta da Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite é de vacinar 95% do grupo alvo de forma indiscriminada. O grupo alvo são as crianças menores de 5 anos de idade, com estratégias diferenciadas para as crianças menores de um ano e para aquelas na faixa etária de 1 a 4 anos de idade. A campanha vai até o dia 30 de outubro.

 

Redação com Secom/PB

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Pesquisa da UFPB reforça crescimento na ocupação de leitos de UTI na Paraíba

Estudo da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) aponta que a ocupação dos leitos adultos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) na Grande João Pessoa, no Sertão e em todo o…

Morre médico que presidiu a Unimed Campina Grande

Morreu em Campina Grande, dr. Arlindo Carvalho do Nascimento, 77 anos, ocorrida neste domingo na Clínica Santa Clara. A morte foi informada pela Associação Médica de Campina Grande, Ele diplomou-se…