A Paraíba o tempo todo  |

Saúde da PB orienta profissionais da saúde para casos de ‘coceira’ semelhantes aos de PE

A Paraíba, a Secretaria de Estado da Saúde (SES), está orientando os profissionais da saúde para casos de ‘coceira’ semelhantes aos registrados em Pernambuco. A SES divulgou uma nota técnica sobre o assunto. O Estado vizinho enfrenta surto de lesão na pele e profissionais se preparam para eventuais casos. Nenhum caso foi confirmado na Paraíba.

Até o momento, mais de 200 casos foram registrados em Pernambuco, em três cidades diferentes, e especialistas ainda não têm conclusões sobre o que teria motivado as lesões. A nota da SES da Paraíba afirma que o objetivo do alerta epidemiológico é informar a rede de saúde, pública e privada sobre como lidar com casos semelhantes.

Conforme a nota técnica, as suspeitas devem ser notificadas. O documento apresenta, ainda, o padrão da doença. Ela tem acometido, principalmente, as crianças, prioritariamente as que moram nas proximidades de áreas de mata atlântica e açudes.

Os principais sintomas apresentados foram lesões cutâneas, principalmente nos membros superiores e tronco, acompanhadas de escoriações. Embora não tenha sido frequente, houve relato de dor de garganta, diarreia, febre e outros, em uma proporção menor de casos.

Embora nenhum caso tenha sido confirmado na Paraíba, a SES solicita que qualquer indivíduo com sintomas semelhantes deve ter o estado de saúde notificado à secretaria, para garantir acompanhamento e prevenir que a doença se alastre.

Redação

    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      1
      Compartilhe