Nesta segunda-feira (10) terá início a terceira etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo, voltada para crianças e jovens dos cinco aos 19 anos. A Secretaria de Estado da Saúde (SES) chama atenção para o calendário da campanha, que vai até o dia 13 março, com o Dia D no sábado (15), no qual cerca de mil salas de vacinas estarão abertas para receber o público. A solenidade estadual será realizada em parceria com o município de Bayeux, localidade que apresentou mais casos da doença.

Na Paraíba, o início das notificações sobre o sarampo se deu em julho de 2019, quando a preocupação com a reintrodução da doença no país preocupou as autoridades de saúde. De acordo com o boletim epidemiológico, até a 52ª Semana Epidemiológica terminada em 26 de dezembro de 2019, foram notificados 326 casos suspeitos de sarampo, em 79 dos 223 municípios. Do total de notificações, 52 casos foram confirmados, 257 descartados, 17 em investigação. Até o momento não ocorreu nenhum óbito.

O objetivo desta etapa é atingir o público que não foi contemplado nas anteriores, mas que está na faixa etária de receber a vacina. De acordo com a chefe do Núcleo de Imunização da SES, Isiane Queiroga, a proposta do Ministério é finalizar as campanhas com todas as faixas etárias com direito de vacina protegidas. “Esta é uma campanha de atualização da situação vacinal, onde será avaliado se a criança ou o jovem precisa tomar a dose, ou se a caderneta de vacina está em dia, lembrando que o esquema para esta população é de duas doses da vacina”, explica a chefe.

O sarampo é uma doença viral aguda parecida com uma infecção do trato respiratório. É uma doença grave que pode ser fatal, principalmente em crianças menores de cinco anos, desnutridas e imunodeprimidos. A transmissão do vírus ocorre a partir de gotículas de pessoas doentes ao espirrar, tossir, falar ou respirar próximo de pessoas sem imunidade contra o vírus sarampo. Os sintomas variam desde tosse, febre, inchaço na garganta e espirros, até erupções na pele do paciente. Em agosto será realizada uma campanha para adultos de 30 a 59 anos, para finalizar todas as faixas etárias do esquema vacinal.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Saiba que produtos de limpeza evitam a proliferação do coronavírus

Novo vírus que causa o Covid-19 é facilmente morto por produtos desinfetantes, como álcool e água sanitária. Entenda. O novo coronavírus, que causa a doença do Covid-19, pode ser morto…

Após PB e PE, RN monitora cinco casos suspeitos de Coronavírus

Após os estados de Pernambuco e Paraíba registrarem casos suspeitos de coronavírus, nesta quinta-feira (27) foi a vez do Rio Grande do Norte. A Secretaria de Saúde está monitorando cinco…