Por pbagora.com.br

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de João Pessoa realizou aproximadamente 6.900 atendimentos, no mês de junho. Conforme levantamento do setor de Estatísticas do Samu, entre os atendimentos realizados, 79% foram de socorro, sendo 7% de remoção. Normalmente, os procedimentos são feitos no local e, se necessário, o paciente é encaminhado à rede de hospitais.

Segundo a coordenadora do Samu, Erika Andrade, por conta da pandemia do coronavírus, houve um aumento no número de ligações. “Era o esperado, por isso aumentamos o número de pessoal para dar conta da demanda”.

Outros 14% dos atendimentos foram apenas de orientação, nos quais o médico conversa por telefone com o paciente, não tendo a necessidade de ir até o local da chamada. Considerando o total de ligações, 7% foram canceladas, seja pelo paciente ou pelo médico, por não se tratar de nada grave. Um número ainda alto é o de trotes, que correspondeu a 12% das ligações.

A coordenadora alerta que a população deve ter cuidado ao ligar para o Samu, pois o serviço é voltado apenas para urgências. Para aquelas pessoas que apresentam sintomas de síndromes gripais e precisam de uma consulta médica, a prefeitura oferece o serviço de telemedicina, através do telefone: 3218-9214.

Samu Regional João Pessoa – O serviço é estruturado por quatro unidades de suporte avançado de vida (USA), sete unidades de suporte básico de vida (USB) e sete motolâncias. Para acionar o serviço, o usuário deve ligar gratuitamente para o número 192.

 

Redação com Secom/JP

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Vacina contra coronavírus desenvolvida em parceria com o Butantan é eficaz

A vacina Coronavac, desenvolvida em parceria com o Instituto Butantan, se mostrou eficaz e segura. A constatação é de estudo publicado ontem pela farmacêutica chinesa Sinovac Life Science. O estudo…

Covid-19: Justiça bloqueia quase R$ 500 mil da Unimed JP

Por meio de uma liminar concedida pelo Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB) na tarde de ontem (10), a corte decidiu bloquear cerca de R$ 500 mil da Unimed João…