A Paraíba o tempo todo  |

PACIENTES EM RISCO: Conselho de ética da COOPANEST/PB expulsa 6 médicos paraibanos por práticas de anestesias simultâneas, cartel e outras irregularidades

O Conselho de ética da COOPANEST/PB expulsou 6 médicos paraibanos por práticas de cartel, anestesia simultâneas, dentre outras irregularidades. O grupo formado por profissionais do HNSN/ REDEDOR, estão cartelizando o serviço no hospital há 3 anos, proibindo outros anestesistas de exercerem suas atividades com suas equipes os quais já trabalham a anos .

Segundo informações, os profissionais vêm realizando anestesias simultâneas em duas salas para ganharem os dois procedimentos , negligenciando os pacientes na recuperação anestésica os deixando com dor e passando mal mesmo ganhando plantão para isso. Outra irregularidade cometida é a falsidade ideológica e estelionato em fichas de anestesias cometido por profissionais que não são conveniados .

Após todos recursos e direitos de defesa dos acusados a COOPANEST/PB decidiu em assembleia extraordinária pela expulsão dos anestesistas ( JOSÉ BONIFÁCIO IMPERIANO , ANÍBAL COSTA FILHO , DANIEL IMPERIANO , EDMILSON GOMES FILHO, DAVIDSON BARBOSA E RODRIGO VITAL ). Foram 88 votos a favor e 15 contra a expulsão. Esses por ocasião afirmaram que esquema era organizado pelo próprio hospital pelo gerente de marketing Cláudio Pessoa .

Esse grupo vem faturando mais de 10 milhões nesses últimos 3 anos, chegando a um único anestesista faturar mais de 220 mil reais por mês . O modus operandi do HNSN/Rededor é oferecer ao cirurgião vantagens financeiras como redução de impostos , plantões exclusivos , consultórios e cashback de 5% do valor total da conta do paciente (fazendo com que o paciente aumente o tempo internado para aumentar a conta do convênio )

Após outras denúncias, o grupo aumentou contando com mais 11 anestesistas que vem praticando os mesmos delitos e estão em fase de processo ético na coopanest. sao eles : JOÃO CABRAL MADRUGA NETO , BRUNO PAES FELIX, JOÃO AURILIO ESTRELA , FLAVIO PALMEIRA DE ARAUJO , MICHELLE QUINTANS , ANTONIO CAVALCANTE MELO FILHO , VANESSA SOUTO PAIVA , GUSTAVO DE MOURA PEIXOTO , JULIANNA SOUSA VINAGRE ,  e YURI JACINTO TRIGUEIRO .

Outra denúncia grave desse grupo é que estão simultaneamente de plantão em vários outros hospitais do SUS ao mesmo tempo que estão realizando procedimentos no HNSN/REDEDOR , hospital Metropolitano e Hospital Universitário Lauro Wanderley . As informações são do portal Polemica Paraíba.

Confira o processo AQUI

 

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      1
      Compartilhe