A Vigilância Ambiental, órgão da Secretaria Municipal de Saúde de Patos, vem realizando mobilizações de combate ao Aedes Aegypti, no município, especialmente nos bairros mais afetados com focos do mosquito. A ação faz parte de uma mobilização nacional que tem como objetivo conscientizar a população quanto à necessidade de eliminar depósitos de água parada que sirvam de criadouro para o mosquito transmissor das doenças chikungunya, zika e dengue.

A programação desta quarta-feira, (29), levou exposição de informações sobre as atitudes necessárias para o combate ao Aedes Aegypti através de caminhadas e distribuição de panfletos nas proximidades da Praça do bairro São Sebastião.

De acordo com a coordenadora da Vigilância Ambiental, Elisângela Queiroz, alguns pontos do município receberam destaque devido ao índice de manifestação. E, para garantir a segurança da população, os agentes de endemias estão visitando as residências para fazer a vistoria e executar os procedimentos que garantem a não proliferação do mosquito.

 

Nesta sexta-feira, 01 de dezembro, será o encerramento das mobilizações, quando haverá distribuição de panfletos sobre o Aedes Aegypti através de caminhadas e ainda a apresentação do ciclo de vida do mosquito em caixas entomológicas com as fases do mosquito, bem como as medidas de prevenção através de banners, panfletos e faixas. O evento acontecerá a partir das 8h, nas proximidades da Unidade de Saúde José de Oliveira Pio, no conjunto Bivar Olinto.

 

COORDECOM

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Número de casos de dengue aumentou na Paraíba em 2019

A Secretaria de Estado da Saúde (SES), por meio da Gerência Executiva de Vigilância em Saúde (GEVS), divulgou, nesta sexta-feira (17), o boletim das arboviroses com os dados referentes ao…