Por pbagora.com.br

 A médica paraibana Adriana Melo, especialista em medicina fetal, venceu o prêmio Faz Diferença, do jornal o Globo, na categoria personalidade 2016. Adriana é uma das precussoras nas pesquisas sobre zika e microcefalia e atua no Instituto de Saúde Elpídio de Almeida (Isea), a maternidade de Campina Grande.

 

Várias personalidades nacionais foram indicadas ao renomado prêmio, que é concedido anualmente. Dividindo o prêmio com a Doutora Adriana está também a médica Celina Turchi, que coordenou pesquisas no mesmo sentido no estado de Pernambuco. Em 2015 o “Faz Diferença” premiou a ministra do Supremo Tribunal Federal, Carmén Lúcia.

 

Adriana Melo foi a responsável por associar a ocorrência de microcefalia à zika. Ela também se dedicou a realizar exames em gestantes para identificar a malformação e realizou várias outras pesquisas sobre os danos causados pelo vírus nos bebês.

 

À reportagem do jornal O Globo,frisoualou sobre a paixão pela pesquisa científica. A doutora se dedica há 20 anos a este trabalho. Por isso, o instituto de pesquisa que Adriana preside, o Ipesq, recebeu uma sede dentro do Hospital Municipal Pedro I, onde foi instalado o Ambulatório Especializado em Microcefalia da Secretaria Municipal de Saúde. A Prefeitura Municipal de Campina Grande também regularizou a concessão de uma bolsa de estudos para a médica.

 

O Globo destacou a realizaçao da pesquisa no Isea. Adriana também venceu o prêmio Personalidades da revista Trip. Ela finalizou dizendo que apesar da experiência, não deseja sair de Campina Grande. “Minha família é toda paraibana. Não gosto da vida na cidade grande. Prefiro a tranquilidade. Meu hobby é a pesquisa”, frisou.

 

 

PB Agora com Assessoria

Notícias relacionadas

Campina Grande vacina idosos a partir dos 60 anos contra Covid-19 na segunda-feira

Campina Grande vacina a partir desta segunda-feira (180, os idosos a partir dos 60 anos contra Covid-19, que receberão a primeira dose da vacina. A imunização acontecerá em todas as…

JP reforça vacina de quem tomou 1ª dose até 14 de março; e imuniza pessoas a partir de 56 anos

A Prefeitura de João Pessoa segue imunizando com a dose de reforço da vacina Butantan/Coronavac contra a Covid-19 e, nesta segunda-feira (19), atende a população que tomou a primeira dose…