Por pbagora.com.br
Idosos e coronavírus: a importância da rotina durante a quarentena é tema de podcast da Rádio Bandeirantes

Quedas sempre implicam em riscos de lesões. Mas, entre a população idosa, a prevenção desse tipo de acidente exige especial atenção, principalmente durante essa pandemia causada pelo novo coronavírus, que impôs aos idosos, como a toda a sociedade o isolamento social. Nessa faixa etária, os riscos de fraturas são maiores, e, muitas vezes, esse é um gatilho para o início de um declínio funcional – impactando na qualidade de vida em todos os aspectos e, até mesmo, na longevidade. Neste sentido, a arquiteta e urbanista Catharina Sarmento comenta que projetos para casas devem ser pensados observando a idade dos seus clientes, adaptando as suas necessidades.

“Em relação ao idoso, deve-se levar em consideração sua rotina e as limitações referentes a saúde, planejando um espaço o mais livre possível de obstáculos, a fim de proporcionar uma melhor segurança. Sempre procuro fazer mais de uma proposta (uma mais elaborada, uma mediana e outroamais simples). O preço do orçamento vai depender qual o tipo de material escolhido e o tamanho do ambiente, entre outros fatores”, afirmou Catharina Sarmento.

No Brasil, cerca de 32% dos idosos na faixa etária de 65 a 74 anos caem pelo menos uma vez ao ano. O risco desse tipo de acidente pode ultrapassar 51% entre as pessoas acima de 85 anos, segundo a terapeuta ocupacional Priscila Bagio. Em média, 70% dos casos ocorrem dentro da própria residência. Na Paraíba, os Hospitais de Trauma de João Pessoa e Campina Grande registraram ano passado quase 7 mil entradas de idosos acima de 60 anos. No primeiro semestre de 2020, 2.818 idosos vítimas de queda foram atendidos nestes hospitais.

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Paraíba amplia oferta de exame laboratorial para Covid-19

O Governo da Paraíba, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES) e do Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen-PB), irá ampliar a oferta de exame laboratorial para o…

Atividades em maternidade do HU de JP devem ser retomadas

O Ministério Público da Paraíba (MPPB), Federal (MPF) e do Trabalho (MPT) acatou a proposta do Hospital Universitário Lauro Wanderley  para a retomada dos atendimentos a novas gestantes na unidade,…