A Paraíba o tempo todo  |

Mãe denuncia demora da Unimed/JP para atender filha com suspeita de Covid e risco de contágio por descaso com protocolos sanitários

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

A redação do PBAgora foi procurada pela mãe de uma criança segurada na Unimed João Pessoa para denunciar o atendimento moroso e uma possível falha no protocolo para casos de suspeita de Covid-19.

De acordo com Danielly Maria, a sua filha chegou à Unidade Moacir Dantas, onde fica o hospital pediátrico da Unimed-JP, com 39º de febre por volta das 18h12 desse domingo (12).

Ela relata que a demora já começou para o atendimento no guichê e que a criança só atendida mais de uma hora depois, mesmo tendo recebido uma pulseira amarela na triagem com “problemas respiratórios” na ficha. A pulseira amarela, na classificação de risco, só perde para a vermelha e requer atendimento imediato por “risco de morte ou lesão de órgão alvo”.

Outra reclamação de Danielly é referente ao protocolo da instituição médica para o caso de sua filha, que era suspeita de covid-19, mas ficou entre 18h17 até às 22h no mesmo ambiente que outras crianças com seus pais, sem nenhum isolamento.

PB Agora

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe