Visando seguir com as capacitações dos profissionais de saúde no período de pandemia causada pelo novo coronavírus, o Hospital Universitário Lauro Wanderley (HULW-UFPB/Ebserh) realizou mais um treinamento na manhã desta sexta-feira (8). O curso, voltado para equipe da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) que está na linha de frente na assistência a pacientes com Covid-19, abordou o uso correto de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs): paramentação e desparamentação.

O treinamento aconteceu no auditório Professor Lindbergh Farias e seguiu as recomendações do Ministério de Saúde, quanto à segurança dos participantes, que mantiveram distanciamento seguro durante a palestra. O curso, promovido pela Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH), foi transmitido via webconferência para os profissionais que não puderam comparecer e também será disponibilizado no site do HULW.

O presidente da Comissão, médico infectologista Francisco de Assis Paiva, explicou que, desta vez, a capacitação teve como principal orientação a paramentação e desparamentação do macacão impermeável, equipamento usado no manejo a pacientes com Covid-19. Desde o início dos registros da doença no mundo, a gestão do Hospital tem implantado iniciativas no sentido de capacitar os colaboradores e, portanto, melhorar a qualidade na prestação dos serviços do hospital para enfrentamento da doença.

Profissionais de setores como Unidade de Doenças Infectoparasitárias (DIP), Laboratório, Clínica Médica e Obstetrícia passaram por outros treinamentos em março. Além das constantes capacitações sobre utilização adequada de EPIs, entre as iniciativas postas em prática pela CCIH do Hospital estão ainda a estruturação e estabelecimento de fluxo de atendimento para pacientes com suspeita de coronavírus, a partir da instalação de uma sala de triagem na recepção do hospital, devidamente equipada e sinalizada.

De acordo com Francisco de Assis Paiva, foi criado um plano de contingência do hospital para combate ao novo coronavírus. “A CCIH participou das reuniões envolvendo a alta gestão do hospital e chefias setoriais para que essas ações venham sendo implantadas com êxito”, explicou.

A equipe da Comissão disponibilizou vídeos voltados aos colaboradores com informações sobre medidas de prevenção. A série denominada COVID-19 está disponível no site do HULW e traz orientações sobre fluxo de atendimento, Equipamento de Proteção Individual (EPI), Higienização das Mãos e Sintomas da doença.

Atendimento

Na última segunda-feira, dia 4, o HULW passou a receber pacientes adultos diagnosticados com a doença. Os casos são encaminhados pelas Centrais de Regulação da Secretaria de Estado da Saúde e da Secretaria de Saúde de João Pessoa. Antes, o hospital era retaguarda apenas para atendimento de crianças e adolescentes com diagnóstico ou suspeita de infecção pelo novo coronavírus. 

ATUAÇÃO DA REDE EBSERH

Desde os primeiros anúncios sobre a Covid-19, a Rede Ebserh tem trabalhado em parceria direta com os ministérios da Saúde e da Educação, com participação nos Centros de Operações de Emergência (COE) desses órgãos. Também vem atuando na realização de treinamento de funcionários da Rede, promoção de webaulas, definição de fluxos e instituição de câmaras técnicas de discussões com especialistas.

PB Agora

Deixe seu Comentário