Por pbagora.com.br

O Hospital Universitário Alcides Carneiro (HUAC), da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) e vinculado à Rede Ebserh, teve suas primeiras altas de pacientes com Covid-19. As duas mulheres, uma de 46 e outra de 47 anos, recuperadas da Covid-19, saíram da Unidade de Terapia Intensiva do HUAC nesta segunda-feira (25). Elas haviam dado entrada no hospital no último dia 20 de maio, estavam há cinco dias internadas.

As duas pacientes foram recepcionadas na saída do hospital por profissionais da saúde e familiares que comemoraram a recuperação com aplausos e música. Cada uma recebeu um cartaz com a mensagem “eu venci a Covid-19” para terem sempre uma lembrança das suas vitórias contra a doença.

A fisioterapeuta Marcela Medeiros falou sobre a emoção de participar dessas altas. “Foi com grande gratidão a Deus e satisfação que pude presenciar as duas primeiras altas hospitalares da UTI Covid do HUAC. Não tem preço que pague a felicidade de ter visto de perto a emoção das duas moças que conseguiram vencer essa batalha. Em nome da equipe de reabilitação do HUAC, posso dizer que estamos sentindo orgulho em fazer parte dessa história de superação.”

“Só tenho a agradecer a Deus em primeiro lugar e a vocês, os anjos da saúde!”, disse uma das pacientes.

O HUAC acionou os 24 leitos para pacientes com Covid-19 no dia 18 de maio, sendo 12 de UTI e 12 de enfermaria.

 

Sobre a Ebserh     

Desde dezembro de 2015, o HUAC-UFCG é filiado à Rede Hospitalar Ebserh. A Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), vinculada ao Ministério da Educação (MEC), foi criada em 2011 e, atualmente, administra 40 hospitais universitários federais, apoiando e impulsionando suas atividades por meio de uma gestão de excelência.

Como hospitais vinculados a universidades federais, essas unidades têm características específicas: atendem pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), e, principalmente, contribuem para a formação de profissionais de saúde e o desenvolvimento de pesquisas. Devido a essa natureza educacional, os hospitais universitários são campos de formação de profissionais de saúde. Com isso, a Rede Hospitalar Ebserh atua de forma complementar ao SUS, não sendo responsável pela totalidade dos atendimentos de saúde do país.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Brasil tem 5,3 milhões de casos confirmados de Covid, com médias de casos e mortes em estabilidade

O consórcio de veículos de imprensa divulgou novo levantamento da situação da pandemia de coronavírus no Brasil a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde, consolidados às 20h desta…

Capital terá centro especializado em AVC e infarto, garante Cícero Lucena

João Pessoa vai ter uma unidade especializada para o tratamento das vítimas de acidente vascular cerebral (AVC) e infarto, garantindo uma recuperação eficaz e evitando agravamento do quadro. Segundo o…