Por pbagora.com.br

O Estado da Paraíba confirmou a segunda morte causada pela “gripe suína”. A vítima foi o professor Eduardo Lopes, 35 anos. Segundo estudos, o número de vítimas no Mundo deve continuar crescendo, pois a previsão é de que o vírus complete três voltas em torno do Mundo.

Eduardo, que estava internado deste o dia 02 de agosto em estado grave na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital da Unimed, em João Pessoa, morreu por volta das 21h15m de ontem (8). A vítima apresentou os sintomas da doença após voltar de uma viagem ao estado de Minas Gerais.

O sepultamento será feito no Cemitério Senhor da Boa Sentença, em João Pessoa, às 16h deste domingo (9).
 

O vírus da gripe suína deverá dar três voltas ao mundo, afirma estudo da Organização Mundial de Saúde (OMS). Isso significa que nos próximos dois invernos o Brasil e os demais países do planeta poderão ter novamente que enfrentar o problema. A esperança da comunidade científica é de que, até lá, seja desenvolvida vacina que possa ser aplicada em larga escala.

Brasil já tem 171 mortos

Segundo levantamento feito com base em dados divulgados pelas secretarias estaduais de Saúde, já são 171 os mortos em decorrência da gripe suína. As regiões Sul e Sudeste são as mais atingidas e o Brasil tem cerca de 12% das mortes mundiais pelo vírus H1N1. No Rio, são 28 mortes. Ontem, a Secretaria de Saúde de Maringá, no Paraná, também confirmou a morte de uma mulher de 24 anos, internada após dar à luz, e a Secretaria de Saúde de Santa Catarina divulgou que mais duas pessoas morreram pelo vírus H1N1. As vítimas eram mulheres. Uma de 52 anos, moradora de Celso Ramos, e outra de 26, moradora de Blumenau.

PB Agora

Notícias relacionadas

Marcelo Queiroga deve visitar a Paraíba ainda esta semana

Em meio a suspensão da vacinação contra a Covid-19 em João Pessoa e Campina Grande, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, deve visitar à Paraíba ainda nesta semana. A visita…

Evolução da vacinação contra Covid na PB: confira o que é fato e o que é fake

Não é novidade nenhuma o fato de que a pandemia da covid-19 fez explodir o número de fake news disseminadas a todo o instante sobre a doença em todo o…