Por pbagora.com.br

A greve dos caminhoneiros intensificou problemas já encontrados no Hospital de Ortotrauma de Mangabeira Tarcísio de Miranda Burity, conhecido popularmente como Trauminha.

 

Segundo a diretora da Unidade, Fabiana Araújo, informou que seis cirurgias eletivas foram canceladas nesta segunda-feira (28) por faltarem alimentos para os pacientes, assim como medicamentos e materiais para realizar procedimentos cirúrgicos.

 

Além disso, a alimentação dos acompanhantes e funcionários vai ser suspensa a partir do jantar desta segunda-feira (28). De terça em diante, café, almoço e jantar só vai ser servido para pacientes.

 

A medida foi adotada e vai durar enquanto a paralisação dos caminhoneiros durar.

 

Redação

 

Notícias relacionadas

Brasil registra 3.025 novas mortes por Covid; curva da média móvel aponta estabilidade

O Brasil registrou 3.025 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas e totalizou nesta terça-feira (4) 411.854 óbitos desde o início da pandemia. Com isso, a média móvel de mortes…

Pandemia fez população se aproximar mais de reality show

Os realities shows se tornaram um fenômeno no Brasil. A pessoas passaram a acompanhar por várias horas pessoas que ficam confinadas em um ambiente. Nesta 21ª edição do Big Brother…