A Paraíba o tempo todo  |

Secretário de Estado da Saúde afasta tese de punição para quem escolher vacina na PB

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

Em meio ao impasse sobre a punição ou não para aqueles que decidem escolher o fabricante da vacina contra a covid-19, que por conta deste posicionamento estariam atrapalhando a fila de vacinação e o cumprimento do plano nacional de vacinação, o secretário de Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros declarou nesta terça-feira (06) que o foco da gestão estadual é tentar convencer o cidadão a tomar a vacina, apresentando toda a comprovação de que os imunizantes utilizados no Brasil são comprovadamente eficazes e não tentar pensar em medidas punitivas.

Vale ressaltar que outros estados e cidades já estão punindo o cidadão que se recusa a tomar determinada vacina por conta do fabricante.

Geraldo reforçou que a Paraíba deve focar na conscientização do povo para a eficácia dos imunizantes

“Minha opinião é que num momento como esse de pandemia é que o confronto não é atitude ideal. Temos que trabalhar para convencer essas pessoas que estão resistentes. O ato de não se vacinar é mais arriscado do que não se vacinar. Não tem por que se questionar. O mundo inteiro está se vacinando. Todos temos que nos vacinar”, emendou.

PB Agora

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      25
      Compartilhe