A Paraíba o tempo todo  |

Mamografias têm queda de até 67% durante a pandemia; especialistas destacam a importância do diagnóstico precoce

Chegou o mês de outubro e com ele iniciou-se o mês de conscientização sobre o câncer de mama, o Outubro Rosa. Com o slogan ‘O acesso é o caminho e a chave é a prevenção’, já foi aberto na Paraíba o programa alusivo à conscientização. Em 2019, foram realizados na Paraíba 63.920 mamografias, número que decresceu em 64% no ano passado, quando foram realizados 23.001 exames. Para falar sobre esse tema foram ouvidos os médicos Clovis Klock e Liz Almeida, que destacaram a importância do diagnóstico precoce.

Para Clovis Klock, o diagnóstico tardio provocado pela redução do número de exames pode prejudicar não só a saúde do paciente, mas também a economia, já que tratamentos mais complexos e caros serão necessários futuramente.

Assim também pensa Liz Almeida: “Este é um mês que a gente lembra que em todos os outros são meses para pensarmos em fazer rastreamento do câncer de mama. Durante a pandemia a OMS recomendou que as mulheres não fizessem exame de rastreamento, caso elas não tivessem nenhum sinal e sintoma da doença. No entanto, a recomendação era exatamente oposta para qualquer mulher que percebesse qualquer alteração para em suas mamas”, comentou.

Para o secretário de Saúde do estado, Geraldo Medeiros, a redução de exames durante o primeiro ano da pandemia pode resultar em aumento no número de casos de câncer. “Com certeza nós teremos nos próximos dois anos um incremento no número de câncer de mama não diagnosticado, visto esse quantitativo de mamografias que não foram feitas”. De acordo com Geraldo, pelo menos 80 mil mamografias deixaram de ser realizadas em 2020 e 2021. “Elas representam um diagnóstico tardio da doença. Essa é a preocupação no momento, por isso a importância de alertar as mulheres paraibanas de que devem acessar o CECD”, disse.

Da Redação

    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      4
      Compartilhe