A Paraíba o tempo todo  |

“É um horizonte de esperança finalmente” diz Geraldo Medeiros sobre pandemia na PB

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

O cenário começa a ser de esperança em meio às vitórias contra a covid-19 registradas em toda a Paraíba.

No mês de julho foram 107 cidades sem registro de nenhuma morte pela doença e os números de internações e casos apresentam quedas após o avanço da vacinação.

Para o secretário de Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, um horizonte de esperança começa a ser vislumbrado. Ele declarou nesta quarta-feira, dia 04, que esta é a primeira vez que está animado com as taxas paraibanas referente ao vírus.

“Temos esse cenário de 20% de ocupação de leitos de UTI adulto na Grande João Pessoa e 18% de enfermaria. É um horizonte de esperança finalmente, estamos na intenção de vencer essa pandemia. Há três semanas liberamos 280 mil doses guardadas na Secretaria de Saúde, protegendo a população”, disse, chamando a atenção para a medida acertada de ter liberado as doses que estavam guardadas para a D2, para aumentar o número de paraibanos imunizados com ao menos 1 dose.

Com relação a variante Deita, que tem preocupado as autoridades públicas e de saúde, o secretário apontou que ainda não há amostras que comprovem que ela já chegou à Paraíba, que isso infelizmente será inevitável, porém com o avanço da vacinação haverá pequeno aumento de casos e o de óbitos continuará em declínio.

“Não temos amostra coletada positiva para a variante delta. Com certeza ela chegará a Paraíba. Haverá pequeno aumento de casos novos, mas o número de óbitos continuará em declínio, isso é o que ocorre com população com vacinação robusta”, concluiu.

PB Agora

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      1
      Compartilhe