Por pbagora.com.br

Nesta segunda-feira (31) o diretor técnico do Hospital de Trauma de Campina Grande, Sebastião Viana declarou durante entrevista à Arapuan que caso a população não cumpra medidas mais restritivas e realize os cuidados necessários de combate à covid-19, os hospitais do município podem entrar em colapso.

“Se não tivermos medidas restritivas e demais cuidados com a Covid-19, podemos chegar a esse colapso e os hospitais ficarem superlotados” alertou.

Ainda conforme Viana a rede hospitalar do município ainda não colapsou, mas está a beira do pico da crise sanitária.

“Queremos conscientizar a população de que mesmo com o suporte para ampliar os leitos, nossa situação é caótica, temos que evitar aglomerações, onde estamos vivendo o terceiro pico dessa doença e é extremamente preocupante. Os números de leitos estão se esgotando, as pessoas estão aglomerando e temos que ter cuidado porque os nossos entes queridos podem ser abalados pela doença”, pontuou.

O diretor do Trauma ainda reforçou o trabalho realizado pelo governo do Estado no que diz respeito à ampliação de leitos.

“O Trauma hoje tem 25 leitos para Covid, sendo 5 leitos de UDC, 5 de UTI e 15 de enfermaria. Nós vamos ampliar os leitos de enfermaria para 20. É preciso pontuar que a UDC é como se fosse um leito de UTI, totalmente ventilador mecânico, fluxômetro, monitor cardíaco, então estamos aumento nossa capacidade de atendimento”, concluiu.

PB Agora

Notícias relacionadas

Wilson Filho destaca excelentes resultados do Hospital de Clínicas de CG

O deputado estadual e líder do governo na Assembleia Legislativa da Paraíba, Wilson Filho, destacou durante a 24ª Sessão Ordinária, na manhã desta terça-feira (15), os excelentes resultados que vêm…

Santa Rita e Cabedelo fazem busca ativa para aplicar 2ª dose da vacina

Com a vacinação contra a Covid-19 em andamento, O município de Santa Rita, na Grande João Pessoa, vai começar a realizar uma busca ativa por pessoas que já estão no…