A Paraíba o tempo todo  |

“Decisão precipitada e equivocada” reforça Geraldo Medeiros sobre a desobrigação do uso de máscaras

Foto: Flaviana Maribondo / Evandro Pereira

Nesta segunda-feira (21), o secretário de Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, repercutiu mais uma vez o fato de algumas prefeituras paraibanas estarem flexibilizando o uso de máscaras de proteção contra a covid-19.

Geraldo reforçou que a postura da gestão estadual é contrária à desobrigação do uso da máscara, ao menos por enquanto, já que alguns países que tomaram a decisão voltaram a ter alta nos casos da doença.

“Decisão, em nossa ótica, precipitada, equivocada. Nós deveríamos estar olhando para o que está acontecendo nos países como Reino Unido, Itália, França, China, Hong Kong, como o recrudescimento de casos. É isso que temos que olhar com os erros que outros países estão cometendo como, de forma precipitada, o abandono de máscaras e com as aglomerações permitidas”, declarou.

Geraldo ainda pontuou que a pandemia ainda não chegou ao fim e que o governo irá analisar, ao fim do decreto vigente no estado, os números e emitirá o posicionamento sobre o caso.

“Nós não estamos no fim da pandemia, o decreto expirará no dia 7 de abril, então analisaremos em colegiado e emitiremos nossa opinião. Caberá ao governador decidir qual será a medida adotada” pontuou.

PB Agora

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      1
      Compartilhe