A Paraíba o tempo todo  |

CG cria Cadastro Reserva para aplicação de doses de vacina não utilizadas no dia

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

O município de Campina Grande está realizando desde a última sexta-feira, 20, um Cadastro Reserva da Vacina para as pessoas que ainda não receberam a primeira dose do imunizante anti-covid. O objetivo é garantir a aplicação de todas as doses de frascos abertos no dia e que não foram utilizadas no público-alvo da campanha de imunização.

“Antes nós não havíamos aberto esse cadastro porque fazíamos a aplicação das doses restantes no decorrer do dia em pessoas dos grupos prioritários. Então, nós entrávamos em contato com serviços de saúde, instituições de ensino e aplicávamos nesses retardatários. Mas agora, com o avanço da vacinação, precisamos criar esse banco de dados para convocar ao final do dia aquelas pessoas que estão na faixa etária e que ainda não receberam a vacina”, explicou o secretário municipal de Saúde, Filipe Reul.

Assim, ao final de cada dia de vacinação, a Coordenação Municipal de Imunização realiza o balanço de frascos com doses restantes e entra em contato com as pessoas cadastradas, nesse banco de dados, para comparecer instantaneamente na Secretaria Municipal de Saúde para receber a primeira dose. Será respeitado o critério da idade, priorizando os mais velhos que ainda não se vacinaram.

Para entrar para essa fila é só fazer o cadastro reserva no próprio site vacinacao.campinagrande.pb.gov.br. “O pré-cadastro e o agendamento continuam funcionando normalmente para ter acesso à vacina. O cadastro reserva é só mais uma ferramenta para acelerar o processo de vacinação e fazer com que as pessoas tenham acesso mais rapidamente à proteção, além de otimizar o fluxo, economizar e evitar perdas técnicas de vacinas”, esclareceu o secretário.

Campina Grande segue vacinando pessoas a partir de 21 anos de idade. Até o momento, a cidade já imunizou mais de 245 mil pessoas com primeiras doses, mais de 6 mil com dose única e mais de 87 mil receberam a segunda dose. O percentual de pessoas que receberam ao menos uma dose já ultrapassa os 80% da população adulta.

PB Agora

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe