O Brasil tornou-se o nono país a ultrapassar a marca dos cem mil casos por coronavírus. São, agora, 102.155 infecções confirmadas de Covid-19, segundo boletim divulgado ontem pelo Ministério da Saúde. Já a quantidade de óbitos chegou a 7.075. É a sétima nação com maior número de mortes pela doença.

Em apenas 24 horas, o país confirmou 4.588 novos casos e 275 óbitos, alçando posições no ranking das nações onde a Covid-19 faz mais estragos. Para especialistas, o Brasil segue essa escala ascendente devido a políticas de saúde pública desencontradas, falta de testes para pacientes e baixo engajamento ao isolamento social. Há, também, o problema da subnotificação de contágios. Projeções do Imperial College de Londres mostram que, até atingir o pico da pandemia, 20 milhões de pessoas podem ser infectadas, e até 60 mil morreriam.

Redação com G1

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Divulgado resultado final da seleção de médicos para atuar no combate ao Covid-19 na PB

A Secretaria de Saúde do Estado divulgou o resultado final dos médicos selecionados para atuar no combate ao Covid-19 na Paraíba. O resultado foi publicado no Diário Oficial do Estado…

Brasil e União Europeia fecham parceria em pesquisas contra a Covid-19

Pesquisadores do Brasil e da União Europeia vão trabalhar juntos em estudos sobre a Covid-19. A partir da parceria serão desenvolvidas pesquisas na área de diagnóstico, tratamento da doença e…