Mostrando sua eficácia a barreira sanitária instalada, pela Agência Estadual de Vigilância Sanitária, identificou ontem (14) um garoto com febre que viajava em um ônibus de Recife, Pernambuco, com destino a Guarabira, na Paraíba, como caso suspeito de infecção pelo novo coronavírus. De acordo com a Secretária de Estado da Saúde (SES-PB) os seus responsáveis por ele foram orientados a cumprirem o necessário isolamento social por 14 dias e a procurarem uma unidade de saúde caso haja evolução do quadro apresentado pela criança.

De acordo com a secretaria, o quadro sintomático foi identificado na barreira sanitária instalada na divisa da Paraíba com o estado de Pernambuco, no município de Alhandra, onde foram verificadas as temperaturas corporais de 244 pessoas de um total de 337 verificações realizadas no Estado, com 70 aferições na divisa com o Estado do Rio Grande do Norte, próximo ao município de Mamanguape, e 23 distribuídas nos terminais rodoviários de João Pessoa (10), Guarabira (10), Patos (02) e Cajazeiras (01).

Ainda conforme a SES, a barreira sanitária no Aeroporto Internacional Castro Pinto, na Grande João Pessoa, não foi instalada hoje por não haver programação de voos, nem no Terminal Rodoviário de Campina Grande, onde também não houve desembarques programados provenientes de outros Estados.

 

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Agentes públicos devem observar critérios técnicos e científicos na pandemia

Os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiram que os atos de agentes públicos em relação à pandemia da Covid-19 devem observar critérios técnicos e científicos de entidades médicas e…

Quase 150 mil pessoas já foram curadas da covid-19 no Brasil

No domingo (24), o Brasil alcançou o número de 149.911 pessoas curadas do novo coronavírus. Isso significa que 41,3% das pessoas que foram infectadas pelo vírus conseguiram se recuperar. Em um…