Por pbagora.com.br

Weick: “Pena de inelegibilidade é indiferente, se condenado Cássio volta a ser ‘ficha suja’”

O Coordenador Jurídico da campanha da Coligação ‘Paraíba Unida’, Marcelo Weick, classificou como indiferente à pena de inelegibilidade ou não para o ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB) no julgamento sobre gastos excessivos com midia institucional de 2006. Conforme Weick, independente de ter a inelegibilidade decretada por oito anos, o tucano, se condenado, apenas atestará que é um ‘ficha suja’.

“Por ser um ‘ficha suja’ é claro que a Paraíba tem que se alertar”, disse.

Ainda de acordo com Weick, os candidatos da Coligação do PMDB não estão temendo a disputa nas urnas, pois ambos, tanto Vitalzinho, quanto Santiago estão preparados para enfrentar o candidato do PSDB voto a voto.

“Uma condenação, independente de ter ou não ter a inelegibilidade, já mostra quem é ficha limpa e quem é ficha suja”,

Weick ainda acrescenta que o debate dos candidatos do PMDB não será no campo jurídico e será rodeado apenas no campo das propostas e das idéias.

As declarações do coordenador Marcelo Weick foram veiculadas durante entrevista ao programa Rádio Verdade, do sistema Arapuan FM.

PB Agora

 

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Análise: mesmo na pandemia, Cícero abarca requisitos que o projetam para uma gestão melhor que a de Cartaxo

Está tranquilo e está favorável. Apesar de o cenário ser de pandemia, o que tem preocupado muitos gestores ao redor não apenas da Paraíba, mas também do mundo inteiro, o…

Romero volta a colocar o nome à disposição para eleições 2022

Após fazer o seu sucessor na Prefeitura Municipal de Campina Grande, o prefeito Romero Rodrigues, do PSD, já está de olhos no processo eleitoral de 2022. Romero disse que seu…