Após o deputado federal Damião Feliciano tachar de golpe o pedido de impeachment contra o governador João Azevêdo e a vice Lígia Feliciano, sua esposa e acusar o presidente da ALPB, deputado Adriano Galdino de estar por trás do fato, o autor do pedido na ALPB, deputado Wallber Virgolino reagiu à crítica.

“Eu me senti atingido pelo deputado Damião Feliciano. Eu acho que talvez se eu entrasse contra João ele já tinha me aplaudido. Mas, eu não sou moleque de ser manipulado por ninguém. Não devo nada a Adriano Galdino. Não tenho nada pessoal contra o governador, nem contra a vice. Apenas adotei uma postura que a sociedade quer” declarou.

 

Entenda:

“Está tendo um golpe na PB” diz Damião Feliciano ao acusar Galdino

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Socialista sinaliza apoio a pré candidatura de Ana Cláudia, em CG

A posição do Partido Socialista Brasileiro (PSB), nas eleições municipais de Campina Grande, é uma incógnita. O partido que fez oposição a gestão do prefeito Romero Rodrigues (PSD), dificilmente terá…

Pré-candidatos a prefeitos em JP e CG com um pé na folia e o olho no voto

Para a cientista política Priscila Lapa, os eventos de rua no período carnavalesco são muito propícios para que os pré-candidatos tenham visibilidade e coloquem suas campanhas na rua.  Neste sentido…