Na noite desse domingo (22) o ex-secretário de Planejamento, Orçamento e Gestão, Waldson de Souza, declinou do pedido de habeas corpus impetrado junto ao Superior Tribunal de Justiça (STJ).

A especulação é que Waldson poderá cooperar com as investigações através de uma acordo de delação premiada.

O ex-secretário foi preso na última terça-feira (17) na sétima fase da Operação Calvário, batizada como ‘Juízo Final’ acusado de integrar o núcleo administrativo da organização criminosa.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Clima tenso: Ludgério insinua insatisfação com ingresso de Bruno Cunha Lima no PSD

Presidente municipal do PSD em Campina e vice-presidente estadual da sigla o deputado estadual Manoel Ludgério (PSD) que também se coloca como pré-candidato a prefeito da cidade, parece que levou…

Mudanças de partidos por conta do fechamento da janela partidária modifica mapa geopolítico na Paraíba

Os prazos finais para as mudanças de partido, as chamadas janelas partidárias, para os candidatos as eleições deste ano, foram encerrados na última sexta-feira, visto que mesmo com a pandemia…