Parlamentares anunciam que farão mais "visitas surpresa" em várias unidades hospitalares da Paraíba

O secretário de saúde do Estado, Waldson de Souza, durante entrevista a uma emissora de rádio na capital criticou duramente o fato dos deputados se usarem de equipamentos da TV Assembléia Legislativa para fazer gravações na manhã desta quinta-feira, 31, nas dependências do hospital de Trauma Senador Humberto Lucena.

Segundo o secretário, houve todo um "aparelhamento da Assembléia Legislativa" que teria montado toda essa operação para desvair as atenções da mídia em relação ao Centro de Convenções.

"A Assembléia como instituição não pode se dar ao direito de usar o seu patrimônio com fins políticos. Foi o que fizeram hoje. A oposição quer antecipar a campanha eleitoral utilizando como principal arma a estrutura da Assembléia Legislativa", declarou Waldson de Souza.

Os deputados estaduais que foram até o hospital, na chamada ‘Caravana da Saúde’ acabaram entrando em confronto com o secretário de Saúde, por supostamente quererem adentrar a ‘área vermelha’, onde estão localizados os leitos dos pacientes em Terapia Intensiva. Durante o impasse, foram registrados bate-bocas entre o gestor e os parlamentares. 

Em uma das gravações, Waldson exige que o deputado Vituriano de Abreu deixe uma das dependências do hospital alegando que ele estaria constrangendo os pacientes. Vituriano rebate que é médico e presidente da Comissão de Saúde da Assembléia e estava cumprindo o dever de fiscalizar as coisas do governo. A confusão foi grande. Outro que também estava bastante alterado era o diretor do hospital, Edvan Benevides, que por pouco não agredia o parlamentar, a quem chegou a tachar de "imbecil".

O deputado Trócolli Junior (PMDB) comentou o triste episódio no início da tarde e reafirmou o seu respeito pela pessoa de Waldson Souza, mas lamentou que o secretário estava “bastante estressado”.

Trócolli garantiu que os parlamentares irão fazer "visitas supresa" nas 33 unidades hospitalares em toda a Paraíba para averiguarem os serviços que estão sendo prestados no hospital, pois recebem diariamente uma enxurrada de denúncias da população mais humilde que precisa da saúde pública e não recebe o devido atendimento.

Já o deputado Anísio Maia, usou o seu perfil oficial no Twitter para relatar um caso do que registrado na visita.

""

O Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, também está sendo inspecionado por entidades médicas do Estado (CRM, AMPB e Sindicatos). A Caravana da Saúde foi desencadeada após várias solicitações de ajuda encaminhadas à Assembleia Legislativa por usuários da saúde pública, que se queixam da má qualidade da prestação dos serviços e até pela falta de assistência, que chega a colocar em risco as suas vidas.

Participaram da Caravana na manhã de hoje os deputados Vituriano de Abreu (PSC), Trócolli Junior (PMDB), Toinho do Popão (PEN), Janduhy Carneiro (PTN), Anísio Maia (PT), Bado Venâncio (PEN), Gervásio Filho (PMDB) e Frei Anastácio (PT).

Ytalo Kubitschek

PB Agora
 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Presidente da ALPB e líder do Governo atribuem a Cabo Gilberto tática para embargar votações

Em entrevista a imprensa o presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba deputado Adriano Galdino e o líder do Governo, deputado Ricardo Barbosa, ambos do PSB, reclamaram da tática utilizada semana…

“Tudo vai depender da situação de cada município”, diz Wilson Santiago sobre efeitos das mudanças eleitorais para 2020

Indicado pelo presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, como o coordenador  no Nordeste  responsável pelas eleições municipais de 2020, o deputado federal paraibano e presidente estadual do PTB Wilson Santiago,…