Por pbagora.com.br

O médico Antônio Vituriano de Abreu, pai do prefeito de Cajazeiras Léo Abreu, informou,sábado (24), que sua assessoria jurídica ingressará nesta segunda-feira (26), junto ao Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) com a contestação de que ele não estaria filiado ao PCB, como foi divulgado na lista dos impugnados.

Vituriano disse que não entende o que foi que, realmente, aconteceu para seu nome figurar numa relação da Corte Eleitoral como se não estivesse filiado. Ao ser questionado se o fato aconteceu para prejudicar sua candidatura a deputado estadual, o médico fez uma rápida reflexão, sorriu e comentou: “No mundo de hoje”.

Ele acredita que o diretório estadual do partido não enviou sua ficha de filiação ao TRE. Vituriano lembrou que participou das convenções partidárias, subscreveu a ata e cumpriu com todos os trâmites legais, exigidos pela legislação eleitoral.

“Isso só aconteceu porque José Luiz Júnior, vice-prefeito de Campina Grande, está doente e afastado de suas atividades no partido. Ele era quem organizava essas coisas e, como presidente, nunca havia acontecido um problema assim. Mas eu espero reverter essa situação porque tenho boas chances de me eleger este ano”, ressaltou.

 

Folhavipdecajazeiras

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

TJPB condena deputado Buba Germano a 9 anos de reclusão

Na sessão desta quarta-feira (2), o Pleno do Tribunal de Justiça da Paraíba decidiu condenar o deputado estadual e ex-prefeito de Picuí, Rubens Germano Costa, mais conhecido por Buba Germano,…

Prefeita eleita de Conde protocola no TCE/PB denúncia contra gestão Márcia

A equipe de transição indicada pela prefeita eleita do município de Conde-PB, Karla Pimentel, protocolou no tribunal de Contas do Estado da Paraíba, na manhã desta quarta-feira, 02/12/2020, denúncia em…