Por pbagora.com.br

Com a chegada do presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva (PT) à
Paraíba, nesta terça-feira (28), para a inauguração de obras no estado, a
Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) está adiando a abertura do segundo
período legislativo da Casa para a quarta-feira (29), com a realização da
primeira sessão ordinária do segundo semestre.

 

“Os vereadores da Câmara não poderiam deixar de prestigiar a visita do
presidente Lula à Paraíba. É uma visita importante e, dessa maneira, estamos
adiando por um dia a realização da primeira sessão do semestre, de terça
para quarta-feira”, explica o presidente da Casa, vereador Durval Ferreira
(PP), acrescentando que o prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho (PSB),
estará participando da abertura dos trabalhos.

 

A CMJP voltou às suas atividades normais nesta segunda-feira (27). O recesso
parlamentar, iniciado no dia 1º de julho, encerrou-se oficialmente no
domingo (26).

 

Ainda nesta semana de volta aos trabalhos, a Câmara realiza uma sessão
solene nesta quarta-feira (29), às 15h00, para a outorga da ‘Medalha Cidade
de João Pessoa’ ao pastor José Carlos de Lima, por relevantes serviços
sociais e religiosos prestados à comunidade paraibana e pessoense. A
homenagem é uma iniciativa do presidente Durval Ferreira.

 

Na quinta-feira (30), também às 15h, a CMJP realiza uma sessão especial para
discutir assuntos referentes ao ‘Fórum Permanente de Prevenção ao Uso de
Drogas no Âmbito de João Pessoa’. O autor do requerimento de realização da
sessão é o vereador Geraldo Amorim (PDT).

 

CMJP

Notícias relacionadas

Senado define presidente, vice e relator da CPI da Covid-19; veja quem são

Um acordo entre parlamentares que vão compor a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia no Senado, responsável por investigar as ações do governo federal e o uso de verbas…

Mesmo sob novo comando, CMCG é criticada por ‘dormir nas suas atribuições’

A mudança de comando na presidência da Câmara Municipal de Campina Grande (CMCG) em nada alterou o andamento do trabalho legislativo. Pelo menos é essa a percepção do vereador Olímpio Oliveira…