O ministro Arnaldo Versiani descartou na tarde desta quarta-feira (11) informação veiculada pela imprensa da Paraíba dando conta de que ele estaria com viagem marcada para o exterior, junto com o ministro Eros Grau, relator do processo do Caso FAC no TSE, sob designação do Tribunal para participar de evento jurídico internacional.

O gabinete do ministro disse que não havia nada neste sentido na agenda de Versiani e voltou a confirmar a presença dele nas sessões do dia 17 e dia 19 deste mês, quando estão previstas as retomadas do julgamento do processo de cassação contra Cássio Cunha Lima (PSDB) e governador do Maranhão, Jackson Lago.

Versiani pediu vistas dos embargos declaratórios que questionam a decisão do último dia 20 de novembro, quando o TSE cassou por sete votos a zero o mandato do governador da Paraíba.


PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Veneziano garante trabalhar por fim de impasse no PSB-PB: “Precisamos estar unidos”

O conflito interno vivido pelo PSB-PB tem dividido opiniões de integrantes da sigla. Há quem defenda a permanência de Edvaldo Rosas da presidência estadual da legenda, mas há também aqueles…

Duelo dos girassóis: foi deflagrado o rompimento do grupo político de RC e João

Fontes palacianas informaram ao PBAGORA que o caminho é sem volta. “Está rompido”, disse um interlocutor que não quis se identificar, referindo-se ao rompimento entre o ex-governador Ricardo Coutinho e…