Por pbagora.com.br

A novela sobre o processo de eleições indiretas em Bayeux parece ainda estar longe do fim. Os dois lados dessa balança têm apelado para liminares e decisões judiciais. Após nova de cisão que suspendeu o pleito pela segunda vez, o vereador Adriano Martins garante que irá novamente à Justiça para que a Câmara de Bayeux eleja o novo chefe do Executivo municipal.

Adriano Martins afirmou que acredita na Justiça e ressaltou ainda a necessidade de uma possível intervenção no município. “Estou recorrendo a todos os santos. Aonde tiver brecha, estamos recorrendo. Bayeux tem pressa e eu acho que aquelas conversas sobre intervenção são para um momento como esse que é pra acontecer, mas não vai acontecer. Num momento como esse, era pra se meter a caneta e fazer a intervenção em Bayeux”, declarou o parlamentar.

Na última quarta-feira (12), o vereador Adriano Martins chegou a divulgar vídeo nas redes sociais no qual aparecia impossibilitado de ter acesso ao interior da Câmara Municipal.

 

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Ruy questiona Cícero sobre os R$ 5 milhões que recebeu de pensão

O candidato a prefeito de João Pessoa, Ruy Carneiro, afirmou, durante debate na Rádio Arapuan FM nesta segunda-feira (28), que o candidato Cícero Lucena precisa explicar se os desvios de…

Presidente do TRE vê equação simples em grande número de candidaturas na PB

Uma equação simples. Foi assim que o presidente do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba, José Ricardo Porto, avaliou o grande volume de candidaturas registradas não só na Paraíba, mas em…