Por pbagora.com.br

Autor da propositura que viabilizou a LEI DA PARADA SEGURA, que obriga os motoristas de ônibus coletivos pararem fora do ponto para mulheres depois das 20h, o vereador Olimpio Oliveira, foi recebido nesta sexta-feira (11) pelo em audiência pelo Dr. Félix Araújo Neto, superintendente da STTP, para expor as recentes demandas atestadas em fiscalização feita nas paradas de ônibus da cidade.

“Na oportunidade, tratei sobre a necessidade da efetivação plena da Lei n. 6.924/18, Lei da Parada Segura, pois identifiquei, em recente fiscalização, muitas queixas das mulheres, as quais reclamaram que os motoristas se portam de forma resistente para atender aos pedidos de parada fora do ponto a partir das 20 horas. O Dr. Félix assumiu o compromisso de reforçar a fiscalização, promover uma campanha institucional educativa, que inclui a afixação de adesivos no interior dos ônibus informando às mulheres sobre o direito de solicitar a parada do ônibus, a partir das 20 horas, fora do ponto tradicional”, disse Olímpio por suas redes sociais.

A Lei “Parada Segura” foi fiscalizada pelo parlamentar no último dia (02), em visita ao sistema de Integração de ônibus da cidade.

Redação com assessoria

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Opinião: presidente do PCdoB na corda bamba entre admitir ou não publicamente ter rejeitado convite para ser vice de RC

A presidente estadual do PCdoB da Paraíba silenciou após a repercussão de que teria rejeitado um convite do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) para ocupar a vice na chapa pela disputa…

Proporção de incentivos para negros estabelecida pelo TSE é analisada por técnica do TRE-PB

A implementação dos incentivos para candidatos negros já nas eleições de 2020 não causará nenhum prejuízo aos partidos políticos é o que garante o presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministro…