A Paraíba o tempo todo  |

Vereador acredita que a PB entrará num novo ciclo de prosperidade

O vereador Edmílson Soares (PSB) foi o entrevistado na manhã desta quarta-feira (3) no ‘Jornal da Câmara’ (JC), fazendo um balanço das últimas eleições, com ênfase à sua candidatura e eleição para a Assembléia Legislativa. O JC é exibido ao vivo pela TV Câmara, no Canal 23 da Net, sempre às 9h, de terça a quinta-feira.

 

“Eu sempre fui eleito nas minhas disputas, mas nunca tive sorte com meus suplentes. Eles nunca se empenharam nas minhas campanhas”, desabafou o vereador, enfatizando que quando sai para uma disputa eleitoral, seus suplentes nunca se engajaram em seus projetos enquanto deveriam. “Eles seriam os primeiros beneficiados com minhas vitórias, mas nunca me acompanharam”.

 

Edmílson foi eleito deputado estadual no último pleito. Ele assumirá o cargo eletivo em fevereiro, deixando o seu mandato de vereador na Câmara. Em seu lugar, assumirá em definitivo uma cadeira no Legislativo pessoense o primeiro suplente, vereador Pastor Edmílson (PRB), que não teria apoiado Soares nas eleições deste ano.

 

Nesse contexto, lembra o parlamentar, em 2000 foi eleito vereador com 7 mil votos; em 2004, volta com outros 7 mil votos; e é reeleito em 2008 com 9 mil votos. Este ano foi eleito deputado estadual com 33.401 votos, sendo o décimo colocado entre os mais votados para a Assembléia Legislativa.

 

Ele ainda lembrou sua história, que se iniciou longe, no Curimataú paraibano, onde não havia nem água. Depois chega a João Pessoa, conseguindo concluir dois cursos superiores, Matemática e Pedagogia, chegando à diretoria de um dos colégios mais tradicionais do estado, o Liceu Paraibano. “Eu estou vereador e vou estar deputado, mas sou mesmo é professor”.

 

Sobre as conseqüências das últimas eleições estaduais, Edmílson Soares acredita que o governador eleito no último pleito, Ricardo Coutinho (PSB), vai buscar união das forças políticas do estado, sempre procurando o bem de toda a Paraíba. Ele acredita que se inicia agora uma grande transformação por todo o estado, que caminha dentro de um novo ciclo de prosperidade.

 

O vereador também acredita que o novo governador não terá dificuldade em aprovar projetos na Assembleia Legislativa (ALPB), mesmo que a oposição seja maioria, pois ele acredita que todos estarão trabalhando pela população, buscando a melhoria de vida das pessoas, pois “a força é do povo e o elo é servir ao povo, tentando resolver o principal problema da nossa sociedade, que é o desemprego, que vem deixando os jovens na ociosidade, sendo presas fáceis para o descaminho”.

 

Edmílson Soares ainda comentou sobre as disputas que já vem surgindo em relação à presidência da ALPB, ressaltando que todos vão, a partir de 1º de fevereiro, data de inicio dos trabalhos legislativos na Assembléia, procurar escolher um representante que melhor desempenhe a busca da união de forças, para lutar pela Paraíba.

 

Ele também refletiu sobre seu novo papel na ALPB, parafraseando Renato Teixeira e Almir Sater na música ‘Tocando em Frente’: “Ando devagar. Porque já tive pressa. Levo esse sorriso. Porque já chorei demais”.

Assessoria

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe