O conflito interno vivido pelo PSB-PB tem dividido opiniões de integrantes da sigla. Há quem defenda a permanência de Edvaldo Rosas da presidência estadual da legenda, mas há também aqueles que preferem que o líder ocupe a cadeira de secretário de João Azevêdo para que o ex-governador Ricardo Coutinho chefie o diretório estadual.

O senador Veneziano Vital do Rêgo, recebido pela sigla em 2018, garantiu se empenhar em manter seus correligionários unidos para que a Paraíba prossiga prosperando com o projeto liderado pelo seu partido.

– Nós precisamos estar unidos em torno desse projeto de Governo levando em consideração o bom trabalho de Ricardo Coutinho e João Azevedo.

Vené acrescentou ainda que “não há justificativa para que nos desentendamos. Trabalharei para que não haja desavença interna”.

O senador declarou que o presidente do PSB, Edivaldo Rosas, se mostrou um líder de muito valor nos últimos anos.

– Edvaldo Rosas tem se mostrado ao longo dos últimos 15 anos uma pessoa dedicada, valorosa, devotada às questões do partido e agora assume uma outra função numa secretaria do Governo. Trabalharei para que não haja cizânia.

 

PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

VÍDEO: em meio à crise no PSB, Sandra afaga ego da gestão Cartaxo

A vereadora socialista Sandra Marrocos (PSB) surpreendeu na noite dessa quinta-feira (19) durante assembleia do Orçamento Participativo na região dos Bancários promovida pela gestão do prefeito Luciano Cartaxo, ao elencar…

Suplente de deputado do PT é cotado para assumir secretaria do OD

O suplente de deputado estadual Anísio Maia (PT) pode assumir a secretaria do Orçamento Democrático no lugar do atual gestor Célio Alves. A informação vem sendo divulgada por alguns veículos…